Headlines

Publicado em: quinta-feira, 6 de agosto de 2009
Postado por Admin

Primeira menstruação: O que fazer


A cintura começa a se afinar as glândulas mamárias estão despontando, estão crescendo os pelos axiliares e pubianos, isto porque a menina que brincava de boneca agora está se tornando uma “mocinha”, onde em breve acontecerá a primeira menstruação, e a jovem deve estar bem informada sobre o assunto e as mudanças que estão ocorrendo em seu corpo, além de que os pais devem estar bem informados para responderem quaisquer dúvidas da filha. Primeiro, você sabe realmente o que é menstruação? Todos os meses o corpo feminino se prepara para uma possível gravidez e a camada interna do útero, chamada de endométrio, desenvolve-se e um ou mais óvulos maduros se desprendem do folículo onde são armazenados e se dirigem para a trompa urinária, sendo que este processo é conhecido como ovulação. Quando o óvulo não é fertilizado, o mesmo se desintrega e o endométrio, formando assim o fluxo menstrual, que pode durar de um a sete dias e em intervalos que perduram aproximadamente 28 dias, contando desde o primeiro dia do ciclo até o primeiro dia do próximo ciclo.

Como o crescimento das mamas e dos pêlos é possível perceber que a menina está tendo os primeiros sinais da puberdade, isto é, após um ou dois anos a menstruação fará parte da vida da jovem, sendo que geralmente a menstruação acontece entre meninas de 9 e 16 anos, entretanto, depende de diversos fatores, como alimentação, carga genética e obesidade. Quando a menina tem sua primeira menstruação antes desta idade, futuramente a mesma poderá apresentar alguns problemas, como retardo no crescimento. Obesidade e disposição antecipada a câncer ginecológico. E caso contrário, isto é, a menina demorar a ter sua primeira menstruação os sinais deste problema pode ser hormonais, desnutrição, anemia ou até mesmo genéticos.

No início é possível que a menina menstrue duas vezes por mês, ou melhor, as disfunções menstruais são muito comuns, podendo até mesmo ficar sem menstruar por alguns meses, e aos 18 anos de idade a garota possuirá seu ciclo menstrual regulado, entretanto, há mulheres que continuam com a irregularidade no ciclo menstrual por toda a vida. Junto com a menstruação vem alguns problemas comuns, como a TPM (Tensão Pré Menstrual), além de irritabilidade, dor de cabeça, choro, depressão e até mesmo constipação intestinal, sendo que quando estes sintomas foram de grande intensidade é muito importante levar a garota ao ginecologista, além de que também é recomendado procurar um especialista quando a menina possui menstruação que perdure por mais de oito dias ou se possuir muita cólica.

Outro fator de grande importância que chega na vida da menina é o risco de gravidez, pois após a primeira menstruação é possível engravidar, entretanto, as chances são mínimas, pois no início normalmente ainda não há ovulações. A menstruação marca o início do período fértil feminino, por isso, é muito importante que os pais ou a mãe converse muito sobre este assunto com a menina, podendo ter o auxílio de livros educativos com assuntos de sexualidade.

Segundo os especialistas é recomendado que a garota utilize o absorvente interno após os 16 anos de idade, pois a partir desta idade a mesma conhece melhor seu corpo e assim, sabem como manusear seus órgãos genitais. Além disso, o absorvente interno deve ser de uso esporádico, isto é, nada de substituí-lo pelo absorvente convencional, pois poderá provocar infecções.

Muitas mães ficam em dúvida se devem levar suas filhas após a primeira menstruação no ginecologista, sendo que segundo especialistas não é necessário, a não ser que exista algum problema como TPM, cólicas, enfim, com o auxílio de um profissional você poderá sanar suas dúvidas e também acabar com os tabus, além de que as garotas se sentirão mais a vontade para fazer perguntas que geralmente teriam vergonha de perguntar aos pais.

Ensine sua filha a anotar as informações sobre a menstruação e quantos dias duraram, pois é muito importante registrar quando acontecem as primeiras menstruações, onde estes dados serão úteis para que a garota aprenda como funciona seu ciclo menstrual. Atenção, caso sua filha de 8 anos de idade já está apresentado os primeiros sinais de puberdade, como pelos pubianos e crescimento mamário, saiba que é indício de precocidade, e caso sua filha já tenha 15 ou 16 anos de idade e ainda não menstruou, poderá estar havendo algo de errado, por isso marque o mais rápido possível uma consulta no ginecologista.

Arquivado em: , , .
DIVISÃO
DIVISÃO COMPARTILHE
DIVISÃO DEIXE SEU COMENTÁRIO

Fan-Page

Click Fantástico

Matérias + Vistas